27 dezembro, 2006


"Se não formos audazes, o que não é sinónimo de irresponsabilidade, se não formos terrivelmente audazes com os nossos sonhos e não acreditarmos neles até os tornar realidade, então os nossos sonhos murcham, morrem, e com eles nós também."


Luis Sepúlveda

4 comentários:

Anónimo disse...

Que livro tão apropriado... A ironia em tudo.

Anónimo disse...

somos. seremos. sempre.

e os sonhos também.






B.
___________________________

holeart disse...

é curioso

na cx dos coments dizia: 2 beijos

afinal... vai contar mais um.

Anónimo disse...

Se me permites entrar aqui neste teu espaço, belissimo pensamento para iniciarmos o novo ano...Sejamos audazes...